Como não flopar no TikTok? Confira nossas dicas para criar conteúdo na plataforma

4 maio 2022Maria Beatriz

Clique para avaliar esse post!
Total: 0 | Média: 0

De acordo com a lista Global 500 da Brand Finance, a plataforma chinesa TikTok foi a marca com o crescimento mais rápido do mundo em 2021. Tendo crescido 215% em apenas um ano, o seu valor pulou de US$18,7 bilhões para US$59 bilhões. 😱

2021 foi mesmo um ano de grande sucesso para o app: em setembro, o TikTok informou ter 1 bilhão de usuários ativos por mês, e o Brasil é um dos países mais ativos na rede: segundo levantamento realizado pela Statista, só ficamos atrás da China no ranking de países que mais usam o TikTok no mundo. São cerca de 4,72 milhões de brasileiros usando a plataforma.

Já deu pra notar que o aplicativo é muito mais que suas famosas dancinhas, né? Atualmente, o TikTok se mostrou um espaço importante de marketing, contando com diversas marcas e influenciadores.

Se você chegou aqui, provavelmente não está tendo os resultados esperados. 🤨 

Quer saber como não flopar no TikTok? Nesse artigo, você vai aprender tudo sobre o algoritmo dessa plataforma, além de dicas para usá-lo ao seu favor. Continue lendo para aprender! 👇

O que é o algoritmo e qual a sua importância?

Os algoritmos das redes sociais são como uma “lista de regras” que determinam  quais conteúdos vão receber mais ou menos destaque para os usuários, a partir do próprio comportamento deles. 

É uma forma que as plataformas encontraram de apresentar aos seus usuários apenas o que é mais interessante e relevante, de acordo com as preferências de cada um.  

É claro que tudo isso tem um objetivo: manter você o máximo de tempo possível naquela determinada plataforma. Afinal, agora temos muitas opções: Instagram, Facebook, Twitter, TikTok… E todas elas estão competindo por sua atenção. 

Em resumo, a função do algoritmo é aprender as suas preferências e usar essas informações para determinar quais posts ou perfis são mais relevantes para você. Cada plataforma possui um algoritmo próprio, observando métricas diferentes que determinam o sucesso dos conteúdos, mas sempre com o mesmo objetivo.

Agora que você já sabe disso, é hora de entender o algoritmo específico do TikTok. Continue lendo!

Como funciona o algoritmo do TikTok?

O principal diferencial do algoritmo do TikTok em comparação às outras plataformas é que qualquer conta pode viralizar lá: até mesmo as que não tem nenhum seguidor.

Isso porque a contagem de seguidores não é um fator de classificação no algoritmo TikTok, que também não dá mais alcance ao conteúdo para contas com vídeos anteriores que tiveram bom desempenho.

Claro que os usuários com muitos seguidores terão uma chance maior de viralizar, já que mais usuários verão os seus vídeos quando os postarem. Isso fará com que eles tenham mais curtidas, compartilhamentos e engajamento desde o início.

Porém, um ótimo vídeo do TikTok de uma conta com zero seguidores ainda pode se tornar o vídeo mais viral da plataforma. O segredo para entrar na For You é mais sobre criar um ótimo conteúdo do que ter muitos seguidores. É isso que torna o algoritmo TikTok tão único. 

De acordo feito com o estudo feito pela Jay Palter Social Advisory, ainda que o algoritmo possibilite que contas de todos os tamanhos ganhem exposição, existem 4 aspectos principais que afetam a autoridade da conta no TikTok e que afetam a entrega dos vídeos. Ao criar uma conta, é preciso prestar atenção especial a esses aspectos, sendo: 

  1. Os primeiros 5 vídeos que você postar no seu perfil. 

Isso porque o TikTok analisa esses 5 vídeos para determinar o valor do seu perfil, a partir do seu número de visualizações e seu engajamento. Segundo o estudo, você pode ser classificado como Nível 1 (com centenas de visualizações ou menos por vídeo); Nível 2 (com 1.000-3.000 visualizações por vídeo); ou Nível 3 (com mais de 10.000 visualizações por vídeo). Quanto melhor for o desempenho dos seus primeiros cinco vídeos, melhor será sua classificação de autoridade.

  1. A uniformidade do seu tema:

O tipo e a categoria de conteúdo que você produz também importa, pois o TikTok deseja classificar seu perfil a partir de uma vertical organizada e consistente. Seu conteúdo precisa ter um tema essencial! Alguns exemplos de verticalidade: memes, tutorial de maquiagem, danças de tendências e assim por diante. 

  1. Os vídeos excluídos

Isso afeta seus resultados. Não exclua vídeos a menos que a visualização seja 1% ou menos do total de fãs. 

  1. Níveis de visualização: 

Quanto mais visualizações um vídeo conseguir, mais fácil será viralizar o conteúdo que vier depois dele, pois o algoritmo tende a “devolver” as continuações de vídeos que tiveram bons resultados. Agora…

A pergunta de milhões: como não flopar no TikTok?

Talvez você já tenha criado alguns vídeos e eles não saíram como o esperado. Mas isso não significa que você vai precisar aprender as dancinhas mais atuais. 😂 

Bem, a verdade é que não existe fórmula mágica, mas há 4 fatores que podem ajudar um vídeo a se destacar na plataforma:

  • Conteúdo relacional — Temas que geram identificação com o público e levam as pessoas a comentarem seu próprio “causo” (ex.: histórias engraçadas sobre encontros desastrosos). 
  • Conteúdo recreativo — Baseado em tendências e com foco em humor, muitas vezes usando plot twists
  • Conteúdo de reação —  Conteúdos que mostram reações e emoções humanas, ou incentivam comentários.
  • Conteúdo com gancho — Vídeos em que, durante os primeiros 3 a 5 segundos, algo fora do comum intriga ou gera curiosidade no público, ou que utiliza legendas do tipo “assista até o final para uma surpresa”.

Além disso, é muito importante desenvolver suas “marcas do criador”, ou seja: atributos de personalidade que fazem com que o público te identifique mais facilmente, seja através de músicas, frases, cenários ou temas que se repetem. Confira o exemplo do creator Orlando Beraldo, que utiliza a mesma música da Lana del Rey em quase todos os seus vídeos, além de repetir frases como “ressaltar meus olhos cor de amêndoa” e trazer uma mesma temática.

Outra coisa essencial para conseguir espaço na plataforma é compreender que o TikTok é uma plataforma para conteúdos de “nicho”. Ao encontrar e focar na comunidade certa, seu conteúdo provavelmente será impulsionado para esse público. Além disso, ao se conectar diretamente com um público estabelecido, você dará à sua conta mais credibilidade, fidelidade exposição. Portanto, familiarize-se com as diferentes subculturas. Geralmente, elas se identificam por meio das #hashtags, por exemplo, #FitTok. #BookTokBrasil ou #PetTok.

EXTRA: 9 dicas para começar com o pé direito

1) Descubra quais são as tendências do momento e prepare um banco de conteúdo que você possa recriar. Lembre-se: as tendências nascem e morrem muito rápido por lá.

2) Escolha um nome de usuário fácil de memorizar e uma boa foto de perfil.

3) Ao criar uma conta, poste no mínimo 3 vezes ao dia para maximizar a variedade e o alcance do seu conteúdo.

4) Pesquise tendências diariamente, tanto de músicas quanto temas e filtros do momento.

5) Consistência é fundamental. Se você estiver indo bem e de repente parar de criar conteúdo por um mês, suas próximas entregas serão prejudicadas.

6) Encontre o seu horário nobre testando posts em diferentes momentos do dia. 

7) Sempre coloque legendas nos conteúdos, principalmente legendas bem-humoradas ou que estimulam a curiosidade da audiência.

8) Hashtags são essenciais. Um bom mix de hashtags costuma misturar até 1 tag do tipo micro (com menos de 1m de visualizações), 2 tags pequenas (de 1m a 10m de visualizações), 3 tags médias (100m a 500m de visualizações) e 4 tags de cultura (mais de 1bi de visualizações).

9) Não perca o timing. Muitas vezes, na tentativa de criar o conteúdo “perfeito”, as tendências esfriam e as pessoas param de falar no assunto. Tente estar na crista da onda, mesmo com vídeos mais simples. 

E já que estamos falando em TikTok… Você já segue a Outlab. por lá

Curtiu? Vem conversar com a gente. Estamos prontos para fazer a sua empresa decolar nas redes sociais. 🚀

Ei, você também vai gostar destes artigos!